A História Oral e o Serviço Social: caminhos metodológicos de aproximação com as trajetórias de vida das mulheres

A História Oral e o Serviço Social: caminhos metodológicos de aproximação com as trajetórias de vida das mulheres

Mirela Ferraz¹ ;
Msc. Leonardo Cristiano Silva

RESUMO

Pesquisar sobre trajetórias de vida é um caminho para fortalecer as mulheres e o território enquanto espaço político de luta. O objetivo deste trabalho pauta-se no referencial teórico-crítico e no uso da metodologia da História Oral pelas pesquisas em Serviço Social, como meio de dar visibilidade às experiências e aos significados construídos pelas sujeitas políticas. Defendemos que o reconhecimento dessa perspectiva na produção de conhecimento em Serviço Social é uma das estratégias para demarcar o posicionamento ético-político da profissão perante as estratégias de enfrentamento do capital e suas crises.

Palavras-chave: História Oral, Serviço Social, Trajetórias de vida.